Notícias

SENAR e MAPA debatem proposta para levar assistência técnica a médios produtores

29/05/2019 12h55

O Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (SENAR/AC) se reuniu com o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), Fernando Schwanke, para tratar do Projeto Ater Médio Produtor Rural.

É uma proposta para alavancar o médio produtor rural brasileiro com Assistência Técnica e Gerencial e foco no aumento do Valor Bruto de Produção (VBP) e da produtividade.


A iniciativa pretende atender inicialmente 1800 mil bovinocultores de corte de 12 microrregiões do País em um período de três anos. As microrregiões foram definidas em um levantamento da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq/USP) sobre o perfil econômico desse produtor. “Será mais um projeto para aperfeiçoar a assistência técnica no País e um diferencial para aumentar a renda do pecuarista brasileiro, que de acordo com o estudo da Esalq, é uma cadeia que enfrenta dificuldade na geração de renda com liquidez, ” explicou o diretor da Assistência Técnica e Gerencial do Senar, Matheus Ferreira.


“Vamos começar por ela, mas o objetivo do Ministério com o projeto é mais abrangente e será expandido para as demais cadeias produtivas”, ressaltou.
São Félix do Xingu (PA), Imperatriz (MA), Porto Seguro (BA), Campo dos Goytacazes (RJ), Rondonópolis (MT), Iporá (GO), Araguaína (TO), Governador Valadares (MG), Colatina (ES), Campos de Lages (SC), Campanha Ocidental (RS) e Alto Taquari (MS) são as microrregiões que terão propriedades atendidas pelo Ater Médio Produtor.


A reunião com o secretário Fernando Schwanke definiu os últimos detalhes e a intenção das instituições é aprovar o projeto já nas próximas semanas para começar com a mobilização dos produtores em julho. (Fonte: CNA e MAPA)



Assessoria de Comunicação Sistema Faet/Senar
Palmas, 29 de maio de 2019